2017/04/28

Greve (?) geral

O direito de greve é líquido e certo. Manifestação legítima dos trabalhadores, especialmente quando oprimidos nas mais diversas formas. Muitas conquistas foram alcançadas dessa maneira, assim como manifestadas opiniões contra determinações de governos os mais diferentes. Ponto.

Organizar uma greve geral não é tarefa fácil. O ponto inicial e  principal seria o convencimento puro dos integrantes de todas, ou da maioria, das categorias, o que refletiria de modo verdadeiro a insatisfação com determinada situação.  
Daí a forçar uma paralisação vai um abismo. Impedir o ir e vir da população, também um direito líquido e certo, constitucionalmente protegido, a depredação de órgãos públicos e privados, a agressão a trabalhadores que não aderiram ao movimento por pessoas ligadas a centrais sindicais, a tentativa de impedimento do acesso público a bancos, terminais de ônibus e aeroportos, entre outros, não são, definitivamente, mecanismos aceitáveis.
A greve geral, embora legítima, repita-se, só é genuína quando não é necessária a força para sua deflagração.

Nenhum comentário: